terça-feira, 14 de maio de 2013

segunda-feira, 13 de maio de 2013

The Little Prince




The Little Prince


(Collector's Library)

by Antoine De Saint-ExuperyAntoine De Saint-Exupéry

Paperback, 168 Pages, Published 2010 by Crw Publishing Limited

ISBN-13: 978-1-907360-01-5

Bretão

Título: Ar Prins Bihan
Língua:Breton
Tradutor:  Pierrette Kermoal
Editora: Preder
País: França
Data da publicação: 2012
Doação:
ISBN: 978-2-901383-78-9






Bretão
O bretão (Brezhoneg, código ISO 639 br ou bre) é uma língua britônica falada na zona ocidental da Bretanha (conhecida como Baixa Bretanha; em bretão,Breizh Isel), na França. Descende das línguas célticas que foram levadas daGrã-Bretanha pelas migrações bretãs para a Armórica , no início do Medievo. Intimamente relacionado com outras línguas britônicas, sobretudo com ocórnico e o galês, e um pouco mais distante do gaélico irlandês e do gaélico escocês, é classificada como uma língua céltica insular. O bretão é a única língua celta sem estatuto oficialmente reconhecido. O número de falantes declinou de mais de um milhão, nos anos 1950, para cerca de 200.000 nos dias atuais, sendo que a maioria desses locutores tem mais de 60 anos de idade1 Isso tornou o bretão uma língua ameaçada de extinção, segundo o Livro Vermelho das Línguas Ameaçadas da UNESCO.

Der Kleine Prinz Edição comemorativa dos 70 anos...


Esta edição de O Pequeno Príncipe quer leitor de volta às raízes.
Já em 1943, apareceu quase paralelo ao original  várias edições. Esta tradição é retomada aqui.
A introdução por Michel Quesnel  conta a origem do Pequeno Príncipe - da origem no coração e nos desenhos do autor e das causas históricas: o acidente do autor no deserto da Líbia em 1935, e pelo período de tempo em que o livro foi escrito -. Segunda Guerra Mundial.
Finalmente, esta edição irá satisfazer os desejos de muitos leitores que cresceram com a primeira tradução para o alemão de O Pequeno Príncipe por Grete e Josef Leitgeb, uma edição de capa dura do livro.
Antoine de Saint-Exupéry
Os desenhos originais do autor
e uma introdução por Michel Quesnel
alemã Grete e Josef Leitgeb
capa de linho com manga 112 páginas Formato: 21,3 x 27.5 cm 19,90 € (Alemanha) março 2013 ISBN 978-3 -7920-0054-0

sexta-feira, 10 de maio de 2013

小王子(附赠配乐中法双语朗诵CD光盘)

Título:小王子
Língua: Chines
Tradutor: Wang Pei,
Editora:  Ciências Sociais Academic Press
País: China
Data da publicação: 2012
Doação:
ISBN: 9787509717141

Der kleine Prinz, neue Ausgabe


Língua Checa

SBN:978-80-00-02659-6

Ano dapublicação:2010

Editora:albatros

Lugar da publicação: Prague

Tradutor: Zdenka Stavinová

Tamanho:215x295 mm

Capa: duras

Comentarios: Livro Pop-up

Língua Arabe

Título: Al-Amir Al Saghir

Língua:Arábe

Tradutor:
Editora:
País:
Data da publicação:
Doação:

ISBN: 9781601110008

Gascon


Título:  Lo Prinçòt

Língua: Gascon-Occitan dialeto País: Sudoeste de França

Tradutor: Peir Mora

Editora: Princi Negre Editor

País: França

Data da publicação:1995

Doação:

ISBN: 2.905007.22.2

Língua Grega

Título:Ο μικρός πρίγκιπας

Língua: Grego

Tradutor:  Melina Karakosta

Editora: Patakis Publishers

País: Portugal

Data da publicação:2012

Doação:

ISBN: 978-960-600-090-4




Língua Grega
O grego moderno, língua oficial da Grécia, difere de muitas formas do grego antigo e é falado por cerca de 13,1 milhões de pessoas.
Na Grécia é falado por quase toda a população. Também é, juntamente com o turco, a língua oficial de Chipre, embora o uso oficial do turco tem sido limitado pela República de Chipre desde a invasão turca de 1974. Devido à adesão da Grécia e de Chipre na União Europeia, o grego é uma de suas 23 línguas oficiais. Além disso, o grego é oficialmente reconhecido como uma língua minoritária em partes da Itália e Albânia, bem como na Armênia e Ucrânia., sem falar na diáspora grega em países europeus e americanos, bem como na Austrália. Essa diáspora é formada não apenas por descendentes de gregos da Grécia, como também de indivíduos nascidos das ondas de emigração que quase extinguiram as antigas comunidades gregas de lugares como EgitoTurquiaBulgaria etc.
A língua grega moderna - isto é, o falar inicialmente restrito a um certo extrato das populações da Grécia meridional, acrescido de componentes eruditas e elementos estrangeiros (principalmente franceses e ingleses) - só se tornou a língua oficial do país em 1976. Até esta data, a língua oficial era a chamada "catarévussa", o grego clássico, uma variante livresca decalcada do grego bizantino. O debate em torno da reforma linguística, que começou ainda em meados do século XIX, teve a cidade de Atenas por epicentro e o poetaKostís Palamás como figura principal.